29 jul 2014

redspark Mind Blowing #6 – AngularJS: Boas Práticas

O AngularJS é um framework que auxilia na execução de aplicações web single-page, muito utilizado atualmente, e esse Mind Blowing apresenta as melhores práticas para desenvolvimento da aplicação e trás um debate importante sobre a aplicação dessas práticas e quando devemos utilizar as técnicas aplicadas.

Comments

  • Mario Junior
    julho 31, 2014 Responder

    Muito bom, só um adendo sobre a discussão que houve no final sobre segurança:
    Quando desenvolvemos com o front-end desacoplado (seja ele com SPA ou nao) a segurança precisa ser implementada dos dos lados, mas com a atenção especial ao acesso dos endpoints da API backend.

    Para Java temos ótimas soluçoes como Spring Security ou o bom e simples Apache Shiro, onde é possivel anotar métodos dos controles restful que só serão executados se o usuário logado no contexto/sessao possui acesso/papel/perfil.

    Protegendo o backend adequadamente, e pensando em servir o backend como uma “API de Serviços”, fica fácil implementar esses níveis de acessos.

    Inclusive, fica a sugestão para um próximo Mind Blowing: “Construindo APIs de Serviços”… Falando desde a comunicacao, serializacao, autenticacao/seguranca e até a fragmentação dos recursos expostos e nested services. 🙂

    Abraços!

  • Bruno Queiroz
    setembro 30, 2014 Responder

    Pessoal, desculpe-me pela falha, segue o link do repositório: https://bitbucket.org/bfqueiroz/angular-mb

  • Bruno Queiroz
    setembro 30, 2014 Responder

    Mário, antes de tudo obrigado pelo comentário, exatamente a segurança tem que ser realizada dos dois lados. Atráves das permissões (roles) do usuário logado também é possível definir quais telas/botões irão ser apresentados para o usuário melhorando assim experiência do usuário final.
    É interessante nos aprofundarmos em alguns pontos discutidos nesse Mind Blowing já que são problemas comuns na maioria das implementações em angular ou qualquer outro framework SPA.

  • Edmilson
    abril 27, 2015 Responder

    Bruno, o link do repositório está quebrado, mudou para outro local?

    • Bruno Queiroz
      setembro 16, 2015 Responder

      Olá Edmilson, provavelmente foi alguma instabilidade do bitbucket, o link está funcionando. Se ainda não conseguir acessar ou se você estiver com alguma dúvida entre em contato que vai ser um prazer te ajudar.

      PS: Desculpe pela demora para responder 🙂

Leave a Comment